quarta-feira, 24 de outubro de 2007

FORÇA CENTRIPEDA

Se esticada demais a corda rompe,



se relaxada demais o violão naum toca,



busque sempre o equiibrio entre lá e aqui,



torne-o um movimento interno constante,



entre lá e aqui...



entre aqui e lá...



lá e aqui!


TENSÃO=DESENCONTRO=MORTE
RELAXAMENTO=ENCONTRO=VIDA

4 comentários:

Ernesto Kobayashi - FOTÓGRAFO disse...

um dos textos que mais gostei irmao!!!, mas todos estao duca!!!..Parabéns, sucesso sempre!!!
Ernyjoe

Ivaldo disse...

Gostei de tudo, textos e fotos. Muito sucesso.

Transverso, transmundo... disse...

O Equilíbrio é sábio, mas é preciso saber o ponto de equilíbrio...
Agradeço a visita ao blog tb.

fabio menezes disse...

Acho que o ponto de equilibrio naum é exato, ele é transitorio assim como o instante, só podemos senti-lo quando já instaurado, e com isso sua busca torna-se incessante!
fabio menezes
beijão no seu coração querida!